sábado, Janeiro 19, 2013

Carteira com fecho metálico - tutorial

Como prometido aqui está o passo-a-passo da carteira. Há vários tutoriais destas carteiras na web. O meu não é nem melhor, nem pior, é apenas o meu, aquele que funciona comigo. E isso é que é importante: que a interpretação e execução sejam fáceis de entender e simples de fazer e que o resultado nos satisfaça. Por isso, estão à vontade para alterar o que quiserem e fazer à vossa maneira. Não existem receitas milagrosas, nem umas melhores que outras :D

Para este projecto vamos precisar dos seguintes materiais:




  • Tecido para o exterior (aqui vou fazer reciclagem, vou usar o tecido de uns jeans que já não servem);
  • Tecido para o forro;
  • Entretela termocolante;
  • Fecho metálico;
  • Cola;
  • Uma folha de papel.
1. Normalmente começo por dobrar uma folha de papel ao meio no sentido da altura, já vão perceber porquê.



2. Depois, pego no fecho metálico, centro-o com o centro da folha (a marca da dobragem da folha) e desenho o molde a toda a volta pelo lado exterior.



3. De seguida, acrescento um outro risco a uma distância de 1cm (o meu tá um bocadinho tremido, mas não faz mal. Foi do último copinho de vinho, ahahah).



4. Coloco novamente o fecho junto ao primeiro traço e segurando o centro do fecho no mesmo sítio, rodo-o um pouco até a extremidade ficar em cima da 2ª linha que desenhei e faço uma marca nesse local. Repetir o mesmo para o lado contrário.





5. De seguida, desenho o molde. Neste caso fiz uma linha recta, um pouco maior na base pois vou mais tarde criar algum volume na carteira. Normalmente faço o molde apenas numa metade da folha. O tamanho fica ao vosso critério (o risco desta carteira, desde a marca até à base tem cerca de 13 cm, fica grandota, se quiserem uma mais pequena devem fazer um risco menor).



6. Desenhando apenas de um lado, ao cortar o molde com a folha dobrada fico com duas metades iguais.





7. Passemos à parte da costura propriamente dita. No tecido exterior fixar a entretela do lado avesso. Se não o fizermos a carteira fica com menos "corpo", menos firme. No entanto, fica ao critério de cada um a forma como o quer fazer, até porque certos tecidos são mais firmes que outros. Mas se usar tecido de algodão fino é preferível colocar um entretela média.



8. Desenhamos o molde no tecido e colocamos o tecido exterior, uma metade sobre a outra, direito com direito. Costuramos da primeira marca (aquela que fizemos na segunda linha do fecho metálico) até à marca na outra extremidade.






9. Cortamos à volta da costura, deixando uma pequena margem.



10. Seguramos o canto da costura da base, certificamo-nos de que as costuras estão alinhadas (a da base com a da lateral) e medimos o bocado que queremos extrair - aqui vamos fazer com 2,5 cm. Quanto maior for a medida mais larga ficará a base. Traçamos uma linha, cosemos e cortamos o excesso. Repetir o mesmo para a outra extremidade.
NOTA: Para quem não quer volume na carteira, não é preciso executar este passo.






11. Virar a carteira para o direito. Na foto podemos ver a profundidade com que ficou, resultante dos 2,5 cm que cortámos na extremidade. 




12. Repetimos o mesmo para o forro (passos 8 a 10), só que este não leva entretela.



13. Depois, colocamos a parte exterior da carteira dentro do forro, direito com direito. 




14. Costurar a toda a volta da abertura (aquela que irá encaixar no fecho), deixando uma pequena abertura no topo.




15. Cortar o excesso de tecido, dar uns cortes nas partes arredondadas (isto é importante, para que o tecido não fique "repuxado" quando virarmos o trabalho do direito), com cuidado para não romper os pontos.




16. Pela abertura que ficou no topo puxar o tecido da carteira. Pode dar um bocadinho de luta, mas vai funcionar na perfeição ;)



17. Empurrar o forro para dentro da carteira, ajeitar os cantos interiores e coser a abertura. Depois passar a ferro a carteira.





18. Agora vem a parte que assusta um bocadinho. Mas calma! Nada mais fácil. Respirar, concentrar e prego a fundo!

Abrir o fecho e colocar cola num dos lados, por dentro do aro metálico. Nada de ser forreta, coloquem uma boa quantidade de cola. Sem exageros, também não queremos um tsunami de cola. Podem também colocar um pouco de cola na parte superior do tecido que vai encaixar no fecho, sempre ajuda a que o trabalho fixe melhor.



19. Depois colocar um dos lados da carteira dentro do fecho metálico, empurrando o tecido se for necessário. Para essa tarefa usem o que vos parecer mais indicado. Há quem use um palito, a ponta da tesoura (cuidado para não furar o tecido).... Eu uso a ponta de uma chave de parafusos, daquelas pequenas.




20. Deixem secar um pouquinho (com o fecho aberto). Depois façam o mesmo com o lado contrário do fecho. Se a cola sujar o fecho podem passar um paninho húmido que ela sai facilmente. De qualquer modo, esta cola é muito fácil de retirar e quando seca basta raspar a unha nos restos que ela sai.



21. Por prevenção, podemos apertar um pouco nos cantos laterais do fecho garantindo que o mesmo segura o tecido no lugar. Para isso colocar um pouco de tecido entre um alicate e o fecho - para não riscar - e apertar suavemente.



Et voilá! A nossa carteirinha! Como a minha é lisa posso depois embelezá-la. Colocar uns apliques, uns bordados, enfim, o que eu quiser. Ou simplesmente deixá-la assim. (na minha ainda se vêem umas dedadas de cola no fecho, isso porque eu tirei a foto antes de limpar o fecho, sorry ;P)




Espero que tenham gostado e que vos seja útil. Foi o primeiro tutorial que fiz por isso peço, desde já, desculpa por algo mais confuso ou pouco claro. Se tiverem dúvidas não tenham problemas em contactar-me (o meu e-mail está lá em cima junto ao perfil, ou mesmo deixando comentário neste post). Se alguém quiser mostrar o resultado também agradeço, aliás, vou ficar super contente. Se, por outro lado, alguém tiver umas dicas, melhor ainda: a partilha de ideias é sempre enriquecedora. E tal como disse anteriormente, o que está bem para uns pode não o ser para outros, cada um deve arranjar a forma de trabalhar que melhor sirva os seus propósitos. E acima de tudo que se divirta, porque isso é o mais importante.

Pela minha parte gostei muito de fazer um passo-a-passo :D

Como já vos dei com que se entreterem, resta-me desejar-vos um óptimo fim de semana!

4 comentários:

Rocio disse...

Ás vezes, é muito interessante ver os processos de fabricação das coisas que você usa todos os dias, eu espero que em algum ponto para ver como fabricam oculos de sol

Sónia disse...

Este fds fiz a minha primeira carteira utilizando este precioso tutorial. Ficou fantástica! (não perfeita é claro, mas muito bonita) Obrigada! :-)

miquinhas e cia disse...

Olá Sónia

Ainda bem que o tutorial foi útil. Fico sempre preocupada de que possa ser confuso.
Quanto à perfeição, de certeza que está linda, tudo o que fazemos com carinho e as nossas próprias mãos fica bem feito.
Boa semana

Soraia Paixao disse...

Muito gira parabens